Poupemais.org

Finanças Pessoais → Planeje-se Financeiramente e More Sozinho

A casa dos nossos pais, nos remetem a um grande conforto, e sem dúvidas, será sempre o melhor lugar para morarmos.

Afinal, quando moramos com os nossos pais não temos preocupações, e quando menos percebemos, a roupa já está lavada e a comida pronta.

Contudo, precisamos buscar a nossa independência, seja ela independência financeira ou pessoal. 

E com toda certeza do mundo, eu posso te afirmar que morando sozinho você irá obter muito amadurecimento financeiro e pessoal.

Porém, a decisão de morar sozinho não é nada fácil, e trás consigo difíceis decisões a serem tomadas.

Por isso, separamos para vocês algumas dicas que podem te ajudar com essa mudança. Confira abaixo:

Planejamento financeiro

A realização de um bom planejamento financeiro, é o primeiro passo a ser realizado.

É muito importante, que você conheça a fundo sua situação financeira, e saiba identificar a onde será necessário cortar gastos, para abrir novos investimentos.

Por isso, coloque tudo no papel para você ter uma base de custos e despesas, que irá ter morando sozinho.

Vale lembrar, que você será responsável por TODOS os custos da casa, por isso faça um planejamento com todas suas responsabilidades.

Pesquise preços

Um dos passos mais importantes e indispensável, é a pesquisa de preços no mercado.

Antes de adquirir qualquer bem ou imóvel, faça uma boa pesquisa e faça uma  comparação de preços.

Afinal, a escolha da sua nova moradia deve ser realizada com cautela, e com um amplo olhar para todas as circunstâncias.

Opte por adquirir um imóvel que esteja próximo ao centro da cidade, afinal, do que adianta economizar no imóvel e gastar o dobro em transporte?

Por isso, essa decisão deve ser feita com muita cautela e antecedência.

Faça um orçamento doméstico

É muito importante, que você tenha uma noção de todos os seus gastos mensais.

Por isso, elabore um planejamento e coloque TUDO na sua contabilização de despesas. 

Vale lembrar, que deve ser contabilizado desde as despesas fixas, até as variáveis.

  • Água;
  • Energia;
  • Transporte;
  • Alimentação;
  • Saúde;
  • Moradia.

Através do seu orçamento doméstico, você terá uma base dos custos que você irá ter mensalmente.

Por isso, realize seu orçamento com cautela e com bastante antecedência.

Reserva de emergência

Reserva de emergência, é um método indispensável para todos que desejam construir uma vida financeira estável. 

O real objetivo da reserva emergencial, é que todos tenham mais tranquilidade, em momentos de imprevistos.

Por isso, todos nós devemos obter uma reserva de emergencial, afinal, nós nunca sabemos o que irá acontecer e imprevistos sempre acontecem.

Construa sua reserva financeira, em momentos de tranquilidade e com isso aprenda a poupar. 

O ideal seria que você guardasse mensalmente uma quantia de dinheiro, mas você pode optar por guardar semanalmente com valores flexíveis.

Poupe entre 10% a 20% da sua renda mensal é uma ótima alternativa.

Portanto, construa sua reserva de emergência hoje mesmo, pois ela poderá te ajudar futuramente.

Esperamos que nossas dicas tenham sido úteis e ajudem vocês a superar os desafios e encarar uma vida financeira estabilizada morando sozinho.